Setembros mais verdes

Se a vida fosse só isso, seria feliz.

Pegar um livro, neste mês de setembro, sentar ao sol, num terraço.

Olhar para estas milhares de casas, para estas paredes de tijolo a vista, com a visão obstruída por fios da rede elétrica e estes com mais rabiolas que eletricidade.

Setembro é assim. O tempo seco. Pela tarde podemos ver o Sol (sem queimar os olhos) é a beleza que deve assustar.

Daqui eu posso ouvir o barulho das rabiolas ao sabor do vento.

Para o mundo ser mais perfeito não me contento com tudo isso.

Procuro Setembros melhores. Mais claros. Menos caros. Mais verdes.

Mais água na atmosfera, menos esferas nos meus olhos. Mais arvores no horizonte.

Daqui eu posso ver que o mundo não é perfeito. Continuo vendo os tijolos a vista. E a vista, continua obstruída por fios.

Daqui ainda espero por Setembros (outubros, novembros,…) melhores.

Setembros maiores. Mais claros, menos raros, mais verdes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s