Mostra Filmes de Ensino – no IFUSP

=========
*FILMES E ENSINO*

Começa em Novembro a mostra "Filmes e Ensino", uma série de exibições de
curtas e longas-metragens sobre a educação escolar nos dias de hoje.

A proposta é elucidar aspectos da educação formal nos dias de hoje a partir
de filmes que têm o ensino como tema central.

Os filmes selecionados serão exibidos ao longo do mês de Novembro, seguidos
de um debate sobre o filme com as pessoas presentes.

Além de promover um debate sobre o magistério, essa série de exibições visa
também agregar a comunidade do IFUSP e da USP em torno de atividades
culturais que vão além das curriculares, fundamentais para a construção de
um ambiente universitário que valorize de fato a diversidade de pensamento.

* *

*De 09 de novembro a 01 de dezembro*

*Sessões às 12h (terças-feiras) e*

*às 17h (quintas-feiras)*

*No Auditório Gleb Wataghin
*

*Instituto de Física da USP*

*Organizadores*

Profª Drª Vera Henriques Bohomoletz

Carlos Eduardo Freitas

Evandro Bittencourt Cruz

Reinaldo da Silva Caraça

Sabrina Gonçalves de Macedo Carvalho

Tiago Mendes de Almeida

*Essa é uma iniciativa da disciplina*

* Ciência e Cultura do IFUSP*

*
*

*SINOPSES*

*O milagre de Anna Sullivan*

[image: miracle-worker.jpg]

Título original: Miracle Worker

Ano: 1962

País de origem: EUA

Duração: 102 min.

A incansável tarefa de Anna Sullivan (Anne Bancroft), uma professora, ao
tentar fazer com que Helen Keller (Patty Duke), uma garota cega, surda e
muda, se adapte e entenda (pelo menos em parte) as coisas que a cercam. Para
isto entra em confronto com os pais da menina, que sempre sentiram pena da
filha e a mimaram, sem nunca terem lhe ensinado algo nem lhe tratado como
qualquer criança.

*Quarta B*

[image: images.jpg]

Título original: Quarta B

Ano: 2005

País de origem: Brasil

Duração: 93 min.

A professora de uma escola primária, o diretor, o zelador e quinze pais
estão reunidos na mesma sala para discutir um tabu: o que fazer ao encontrar
drogas com um aluno de 10 anos? Há uma proposta de todos tentarem entrar no
universo das crianças que usam drogas e experimentarem juntos. Acusações,
intrigas e muitas revelações vêm à tona enquanto cada um deles tenta
proteger a própria família.

*Vista Minha Pele*

[image: images2.jpg]

Título original: Vista Minha Pele

Ano: 2002

País de origem: Brasil

Duração: 24 min.

?Vista minha pele? é um vídeo destinado à discussão sobre racismo e
preconceito racial. A parte ficcional baseia-se em uma história invertida:
os negros compõem a classe dominante enquanto os brancos figuram como
ex-escravos. É uma divertida paródia da realidade brasileira, que oferece
material útil para a reflexão sobre racismo e preconceito em sala de aula. A
segunda parte do vídeo apresenta depoimentos de educadores e especialistas
em relações raciais enfocando as implicações entre educação e racismo.

*A onda*

[image: die-welle.jpg]

Título original: Die welle

Ano: 2008

País de origem: Alemaha

Duração: 101 min.

Rainer Wegner, professor de ensino médio, deve ensinar seus alunos sobre
autocracia. Devido ao desinteresse deles, propõe um experimento que explique
na prática os mecanismos do fascismo e do poder. Wegner se denomina o líder
daquele grupo, escolhe o lema ?força pela disciplina? e dá ao movimento o
nome de A Onda. Em pouco tempo, os alunos começam a propagar o poder da
unidade e ameaçar os outros. Quando o jogo fica sério, Wegner decide
interrompê-lo. Mas é tarde demais, e A Onda já saiu de seu controle. Baseado
em uma história real ocorrida na Califórnia em 1967.

*Pro dia nascer feliz *

[image: 02_MHG_filme 3.jpg]

Título original: Pro dia nascer feliz

Ano: 2007

País de origem: Brasil

Duração: 88 min.

"Pro Dia Nascer Feliz" é o segundo longa-metragem do diretor João Jardim,
diretor do cultuado documentário "Janela da Alma" que, em 2002, bateu
recordes de público no gênero. Através de uma investigação do relacionamento
do adolescente com a escola – ambiente fundamental em sua formação – o
diretor traz à tona, além de questões comuns a qualquer adolescente dentro
do ambiente escolar, questões como a desigualdade social e o impacto da
banalização da violência no desenvolvimento de muitos desses jovens.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s