Justiça Federal determina suspensão imediata da reintegração de posse no Pinheirinho

O Comando da Polícia Militar acaba de receber uma ordem judicial que determina a suspensão imediata da reintegração de posse do Pinheirinho. A ordem foi assinada pelo juiz plantonista Samuel de Castro Barbosa Melo, da Justiça Federal, a mando do Tribunal Regional Federal. Caso o comando persista com a desocupação, estará descumprindo uma ordem judicial.

A operação de reintegração de posse do Pinheirinho foi determinada pela juíza da 6ª. Vara Cível, Márcia Loureiro. Ela não reconheceu a suspensão expedida pelo Tribunal Regional Federal na última sexta-feira. Advogados dos moradores consideram ilegal a invasão.

Moradores de bairros vizinhos ao Pinheirinho se revoltaram contra a invasão da Tropa de Choque à Ocupação e entraram em enfrentamento contra a Guarda Civil, que está apoiando a Polícia Militar. O alambrado que cerca o Centro Poliesportivo do Campo dos Alemães, preparado para abrigar os moradores após a reintegração de posse, foi derrubado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s