Estar no/com o Mundo

Lendo Paulo Freire aqui e pensando na ideia do homem e da mulher que moldam a natureza através do trabalho formando cultura, entendemos que esta transformação dá pertencimento (empoderamento) para estes Seres no mundo. Eles passam a não estar apenas em contato com a realidade (neste caso natureza ~ mundo ~ realidade), mas estar no e com o mundo. E esta assunção emancipa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s