Sobre namorados, classes sociais e tatuagens

Hoje é o dia dos namorados.
Dia é a medida de tempo de uma volta da Terra em torno do Sol, pode ser dia sideral (uma volta em relação a passagem de uma estrela pelo meridiano) ou Solar (uma volta em relação ao Sol).
Sol é a estrela que ilumina a Terra e fornece quase toda a energia para nossa existência.
Namorados são duas pessoas que se gostam, trocam presentes (muitas vezes ursos de pelúcia, flores (não da ilha) e muitas vezes cartões de papel), protegem um ao outro, se cuidam independente da situação, um bom exemplo deste tipo de relacionamento pode ser a relação entre o Gilmar Mendes e o presidente Michel Temer.
A origem dos ursos de pelúcia remonta a um presidente estadunidense que caçava ursos, ou seja atirava neles para matar, e ficou com dó de um deles, o Teddy. Estadunidense é alguém que nasceu nos Estados Unidos da América um país do hemisfério norte do planeta Terra, o mesmo que dá uma volta em torno de si com relação ao Sol ou alguma estrela em 24 horas ou em 23h56m04s. Hemisfério é a metade de uma esfera, apesar do planeta Terra não ser uma esfera dizemos que possui dois hemisférios, norte e sul.
Cartões de papel são usados para escrever palavras que muitas vezes não queremos ou não sabemos dizer. São normalmente utilizados em datas comemorativas como o dia dos namorados. São feitos de papel que por sua vez foi feito de uma árvore que por sua vez foi extraída de uma floresta. Floresta é uma região do planeta Terra com alta densidade de árvores. Densidade é massa dividido por volume.
No Brasil (país do hemisfério Sul), o dia 12 de Junho foi escolhido para ser o dia dos namorados por ser um dia antes do dia de santo antônio (13 de junho), santo casamenteiro (formador de família). As famílias têm muitas composições, uma delas é a composição pai e filho. O atual prefeito de São Paulo João Doria Jr, mesmo que não pareça, tem família e nesta família ele tem um pai, João Doria pai o verdadeiro criador do dia dos namorados no Brasil, numa simples jogada de marketing (imagem). Santo é o nome dado para uma pessoa que teve boas ações em sua vida e promoveu algum tipo de milagre segundo a tradição da igreja católica. Santo também é o nome dado pela empresa Odebrecht, em seus relatórios de propina, para Geraldo Alckmin, Governador do estado de São Paulo, um estado do Brasil que por sua vez é um país do planeta Terra, que recebeu da ordem de 10 milhões de reais sem nenhuma punição. Punição é uma espécie de castigo. Algo que alguém que não é santo deve receber, segundo a tradição católica. Propina é um dinheiro recebido ilegalmente que passa ser sua propriedade.

 

Atenção: as palavras chaves deste parágrafo foram: tradição, família e propriedade.

An--ncio1
Propaganda do João Dória pai
Paraisopolis_1_1224
Foto Tuca Vieira
As classes sociais são grupos da sociedade capitalista que lutam pela busca da hegemonia. No atual cenário político a burguesia é a classe social dominante, é aquela que detêm os meios de produção, produção usada para criar os bens de consumo da população, por exemplo, o papel e os ursos de pelúcia.
A classe que se opõe a burguesia é chamada de proletariado. Michel Temer, Gilmar Mendes, Geraldo Alckmin são defensores da burguesia, já a citada Odebrecht é uma empresa cujos donos são burgueses e não são santos. Já a maioria dos namorados que no futuro colocarão o nome um do outro no papel são da classe proletária. Aquela que não possui os meios de produção, mas que possui o corpo e um pouco de energia (vinda do Sol, para uma planta, que deu um alimento, que ele comeu e deu energia) para trabalhar e assim produzir, o papel, as flores e os ursos de pelúcia. Muitos namorados não conseguem comprar sequer um urso de pelúcia e outros nem um cartão de papel.
Para escrever no papel, aqueles que conseguem comprar e que acham que isso tem alguma utilidade ou significado, usam tinta. Tintas são feitas de substâncias extraídas da natureza. Natureza é tudo aquilo que é natural, incluindo as leis da físicas, mas o termo é mais usado para fauna e a flora do planeta Terra, incluindo as florestas e excluindo os santos que não são naturais.
As tintas são usadas em canetas esferográficas para escrever no papel ou em máquinas de tatuar para escrever nas testas. Tatuagem é um simbolo milenar, e no Brasil remonta aos povos originários, também chamados de índios, que viviam nas florestas, não usavam papel, não caçavam ursos, não recebiam propina, não comemoravam o dia dos namorados e nem conheciam o conceito de santo (ao menos até 517 anos, 1 mês e 20 dias, quando este conceito começou a ser “gentilmente apresentado” para eles).
Apesar dos índios (os poucos que sobraram), as florestas, os proletários, o Santo, o Gilmar Mendes, o Michel Temer e o tatuador de testas fazerem parte do mesmo planeta. Eles não fazem parte da mesma classe e esta diferença faz com que tenham interesses radicalmente diferentes. O nome que se dá para os diferentes interesses dentro do sistema capitalista é luta de classes.
Algumas pessoas apesar de estarem muito mais próximas do garoto tatuado na testa do que do dono da Odebrecht, não se reconhece na classe proletária. Para isso é dado o nome de alienação. Alienação é quando sua consciência e decisões não estão em você mesmo, mas no outro. É quando você tem ideias estúpidas e acha que pensou tudo sozinho. Não pensou. Alienação é o mesmo processo que faz com que as pessoas acreditem em eleições, em santos ou comprem ursos de pelúcia no dia dos namorados. Mas isso já é outra história.
P.S. Aliás, história é uma matéria ensinada na escola e nos livros (feitos de papel), onde é mostrado o que já aconteceu há muitas rotações da Terra atrás, para aprendermos com erros e acertos do passado e assim criar um futuro melhor.

História também é conhecida como a matéria mais odiada por aqueles grupos quem pedem intervenção militar.

P.S2 Obviamente inspirado no documentário Ilha das Flores.

2 comentários

  1. OZ, quanto orgulho eu tenho em ler seus textos. Vc fere a ferida que tentamos estancar. Gosto das tuas opiniões justamente por não se preocupar em nos tirar do conforto. Muito feliz em saber que faço parte da sua trajetória (gostaria de estar mais presente e vice-versa). Grande beijo! Ju.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s